Segunda-Feira, 24 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Em jogo de muita emoção, reserva brilha e Comercial vence Misto no Morenão

A partida foi marcada por muita pegada, reclamações, lances bonitos e faltas

Sofrido! Essa é a palavra que define a vitória do Comercial na estreia do Campeonato Sul-Mato-Grossense de Futebol, contra o Misto, por 2 a 1, na tarde deste sábado (18), no Estádio Morenão, em Campo Grande. A partida foi marcada por muita pegada, reclamações, lances bonitos e faltas. E quem definiu a vitória do colorado foi Zé Lucas, poucos minutos depois de entrar em campo, já no segundo tempo.


“Foi muito sofrido, muito mais do que deveria”, resumiu o técnico do Comercial, Amarildo Carvalho, ainda comemorando a vitória na beira do gramado.


O jogo, que abriu o Estadual 2014, começou às 16h, de baixo de forte chuva e com não mais do que 50 pessoas na arquibancada. Os jogadores, porém, não se incomodaram e fizeram uma partida de dar gosto aos presentes.


A estreia dos dois times começou tensa, mas foi ficando cada vez melhor, acompanhada pelo fim da chuva e pela chegada de mais e mais torcedores.


Em um jogo de muitas chances de gols, foi o Comercial que abriu o placar. O meio-campo Kayo marcou aos 25 minutos do primeiro tempo, e fez 1x0 no Misto de Três Lagoas. O gol ocorrem após cruzamento do lado direito do ataque, e o camisa 8 do time bateu com a perna esquerda sem chance para o goleiro Geosmar.


O primeiro tempo acabou assim, com 1 a 0 no placar para o time de Campo Grande, muitas reclamações contra a arbitragem e prometendo fortes emoções na segunda etapa.


Brilho – Se o primeiro tempo foi bom, o segundo foi ainda melhor. Já com 181 pagantes no Morenão, e renda de R$ 3 mil, a partida ficou ainda mais corrida.


O Comercial começou melhor, dominando o meio-campo e pressionando o Misto. Mas, quem não faz leva, e o Misto mostrou mais uma vez que a velha frase sempre funciona. Depois de encerrar o primeiro tempo sob elogios, a zaga do Comercial falhou e deu brecha para que o empate.


Sem marcação nenhuma, o volante Tocantins do Azulão cabeceou na pequena área próximo ao segundo pau. O jogador estava absolutamente em campo, e não precisou nem pular, só escolheu o canto em que queria acertar, cabeceou e marcou.


O gol, aos 10 minutos da segunda etapa, botou fogo da partida, que passou a ser dominada pelo time de Três Lagoas. O Misto também pressionou, mas não contava com a estrela de Zé Lucas. O atacante do Comercial entrou aos 18 minutos do segundo tempo, e alguns minutos depois, aos 35, selou a vitória do Colorado.


A jogada começou no campo de ataque, quando Carlos Eduardo driblou dois adversários, cruzou e Zé Lucas só empurrou para o gol.

Fonte: Gazeta MS
Data Postagem: 19/01/2014
PUBLICIDADE