Segunda-Feira, 24 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Diretoria do Naviraiense fará representação contra árbitros

Reclamei com o presidente da FFMS naquela oportunidade, mesmo tendo vencido

O sinal de alerta foi aceso, mesmo na vitória na estreia contra o Ivinhema a reclamação foi geral dos dirigentes do Jacaré contra os “critérios” diferenciados utilizados pelo arbitro. Para o diretor de futebol Soares Filho, no primeiro jogo foram cartões exagerados, um pênalti não assinalado a favor e uma falta inexistente, que resultou no gol do adversário.


Reclamei com o presidente da FFMS naquela oportunidade, mesmo tendo vencido. No Domingo, sem tirar os méritos do Ubiratan que não tem nada a ver com a história, os dirigentes tem certeza que o árbitro Paulo Henrique Vollkoph influenciou no resultado,  marcando um pênalti absurdo, inventado e as imagens estão ai para todos verem, logo no começo do jogo. “Isso numa partida de duas equipes equilibradas é decisivo”, diz o diretor ao afirmar que o árbitro só expulsou dois jogadores do Ubiratan porque o jogo estava 3 x 0.


Os diretores vão entrar com representação contra o árbitro Erlanderson Martinez e agora Paulo Vollkoph. “Falam que a arbitragem ajudou o clube em 2013 na semifinal contra o Itaporã, mas e ai, agora vão nos perseguir ? não acredito, mas é isso que está parecendo” reclama o dirigente.


O diretor do Clube Esportivo Naviraiense, destaca a boa relação que a nova diretoria do clube tem tanto com a Federação como a direção da COAF, mas não podemos deixar de reclamar pelos nosso direitos. “Não vamos pedir que nos ajude, queremos que não errem somente contra” finaliza.


O Naviraiense volta a atuar pelo estadual no próximo Domingo, diante do Itaporã no Estádio Chavinha. A folga da semana servirá para a comissão técnica corrigir os erros cometidos no confronto com o Leão. A reapresentação dos jogadores do Jacaré foi na segunda a tarde, com muita conversa do treinador com o grupo. “A derrota para o Ubiratan é um resultado normal, só o placar que acabou sendo impactante” afirmou o diretor de futebol do CEN. 

Fonte: Assessoria
Data Postagem: 28/01/2014
PUBLICIDADE