Segunda-Feira, 24 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Túlio Maravilha faz gol 1000 e ganha festa no meio do jogo

As contas são do próprio Túlio. Não há registro oficial sobre os 1000 gols que o jogador tenha feito durante a carreira

O veterano atacante Túlio Maravilha, de 44 anos, encerrou na tarde de sábado (08) a busca por seu milésimo gol na carreira. Em sua estreia pelo Araxá, na segunda divisão do Campeonato Mineiro, o artilheiro marcou de pênalti aos 29 minutos contra o Mamoré, após o zagueiro adversário colocar a mão na bola. A festa pelo gol 1000 de Túlio aconteceu no meio da partida, sem invasão da torcida, mas com emoção suficiente para encerrar a participação do atacante na partida. Depois, ele dedicou o gol à família e aos "sonhadores".


Logo após o gol, Túlio pegou a bola que pela milésima vez balançou as redes e foi erguido por companheiros e funcionários do Araxá, no Fausto Alvim, palco da partida. Emocionado, ele foi para os vestiários logo depois de comemorar, e foi substituído. No momento em que Túlio saiu de campo o placar marcava 1 a 1.


As contas são do próprio Túlio. Não há registro oficial sobre os 1000 gols que o jogador tenha feito durante a carreira. Desde 2001, quando passou a trocar de clubes com maior frequência, em busca do milésimo gol, Túlio passou por quase 40 agremiações diferentes. Com a marca atingida, o atacante alcança feito pelo qual Pelé e Romário ficaram marcados.


Neste sábado Túlio fez sua estreia pelo Araxá. Ele firmou um contrato de seis partidas com o clube e agora terá mais cinco jogos para disputar, agora livre da busca pelo milésimo gol. Dos vestiários, Túlio foi ao Twitter para dedicar o gol à família e àqueles que acreditam nos sonhos, como o dele, de atingir o milésimo gol.


Túlio marcou história pelo Botafogo, clube ao qual sempre pediu auxílio para atingir a marca que colocou como meta principal de sua carreira. Ele viveu a melhor fase profissional em 1995, pelo clube carioca, depois de ser revelado pelo Goiás e jogar no Sion, da Suíça. Em 95, foi campeão brasileiro pelo Botafogo, em ano que também se sagrou artilheiro do torneio. Antes, tinha sido o goleador em 1994 e 19989, pelo Goiás.


A temporada espetacular de Túlio em 1995 fez com que ele chegasse à seleção brasileira. Ele já havia disputado três amistosos, entre 1991 e 1994, e fez mais 12 partidas em 1995. O atacante, no entanto, nunca teve a oportunidade de jogar uma Copa do Mundo.

Fonte: Uol
Data Postagem: 09/02/2014
PUBLICIDADE