Terca-Feira, 25 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Lei que pune rachas com mais rigor entra em vigor em seis meses

A multa para rachas, que era de 576 reais, sobe para mil 915 reais, valor que pode dobrar no caso de reincidência

Punição mais rígida para quem participa de rachas entre em vigor em seis meses. O projeto, aprovado em abril no Congresso Nacional, foi sancionado pela presidente Dilma Rousseff e publicado no Diário Oficial da União dessa segunda-feira.


O texto estabelece multas e penas maiores para os infratores. Para a simples prática de rachas, a pena máxima passa de dois para três anos. Se resultar em lesões, a detenção é de três a 6 anos e, no caso de mortes, de cinco a 10 anos.


A multa para rachas, que era de 576 reais, sobe para mil 915 reais, valor que pode dobrar no caso de reincidência.


A lei também fixa punição maior para ultrapassagens perigosas e para quem estiver ao volante bêbado ou sob o efeito de drogas.

Fonte: Rádio 2
Data Postagem: 13/05/2014
PUBLICIDADE