Terca-Feira, 23 de Maio de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Hospital Municipal recebe melhorias, mas avanços devem continuar

O prefeito Léo Matos tem nos cobrado, ao mesmo tempo em que da autonomia para continuarmos trabalhando em busca de um atendimento cada vez melhor aos usuários do Sistema Único de Saúde”, disse Renata
Foto: Assessoria

Em meio aos desafios da atual gestão, a saúde pública sempre foi a maior prioridade. Naviraí vem colhendo os frutos de um trabalho desenvolvido para garantir ao paciente uma melhor qualidade no atendimento. De acordo com a gerente do Hospital, Renata Sena Moraes Hervatini, nesses 18 meses, foram vários benefícios adquiridos. Dentre as melhorias -, reforma da principal unidade de saúde, aquisição de novos equipamentos, pintura, nova mobília, contratação de novos médicos e valorização dos profissionais daquela unidade de saúde foi um dos pontos positivos. “Mas, é claro que há muito a se fazer ainda. O prefeito Léo Matos tem nos cobrado, ao mesmo tempo em que da autonomia para continuarmos trabalhando em busca de um atendimento cada vez melhor aos usuários do Sistema Único de Saúde”, disse Renata.


A gerente lembra que recentemente a ala antiga do Hospital Municipal fora totalmente pintada e o próximo passo será a reforma dos banheiros da unidade. Nesse período, foram 9 novas ambulâncias adquiridas para transporte de pacientes, além de outros 6 carros utilitários. “Renovamos a frota hospitalar com essas ambulâncias. Além disso avançamos muito no conforto e na qualidade ao atendimento aos pacientes como aquisição das novas poltronas, camas velhas foram substituídas, novos berços, suportes de soro, bem como outros mobiliários adquiridos”, lembrou a gerente.


Renata ressalta que as melhorias não se resumiram apenas na troca ou reforma e nova mobília. Ela destaca os mutirões de cirurgia de pequenas e grandes cirurgias realizadas. Segundo ela, a aquisição do Arco-Cirúrgico e a implantação do serviço de digitalização de imagem radiológica, deu maior agilidade nas operações realizadas. “Zeramos a fila de espera que havia nas cirurgias. Fizemos uma adequação no Centro Cirúrgico, com implantação de sala de parto, e local de recuperação anestésica. A busca por novos aparelhos modernos, novas salas na antiga ala do hospital não deve parar por ai”, observou.


Mas, segundo a gerente, a implantação da classificação de risco, de novas diretrizes da política de humanização, valorização do trabalhador e capacitação da equipe de enfermagem contribuiu para as melhorias alcançadas. “Temos um projeto para o próximo ano que prevê investimento de R$ 3 milhões, para reforma, ampliação e aquisição de novos equipamentos, além de outro recurso do projeto Rede Cegonha, onde iremos implantar duas novas salas de parto, a fim de garantir o acolhimento e acompanhamento da gestante em trabalho de parto”, finalizou.

Fonte: Assessoria
Data Postagem: 10/07/2014
PUBLICIDADE