Quarta-Feira, 26 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Valdivia pega dois jogos de gancho e só não joga contra Chapecoense

A infração do meia chileno foi enquadrada como ato hostil pelo STJD, resultando na pena de dois jogos
Foto: Divulgação

Expulso no final do empate com o Flamengo, por 2 a 2, no dia 17 de setembro, Valdivia deixou o gramado do Pacaembu pedindo para que o STJD não fosse rigoroso no julgamento. Nesta segunda-feira, o chileno teve o seu pedido atendido: o tribunal não entendeu que o pisão do meia palmeirense sobre o volante Amaral foi uma agressão, desqualificou para ato hostil e aplicou um gancho de dois jogos. Desta forma, o camisa 10, que já cumpriu a suspensão automática, está fora apenas do duelo contra a Chapecoense, nesta quinta-feira.


Para aliviar a pena de Valdivia e não perder o jogador para a reta final do Campeonato Brasileiro, a defesa do clube do Palestra Itália pediu para que a infração fosse desqualificada, deixando de ser enquadrada no artigo 254, que indica agressão, para ser classificada como ato hostil, no artigo 250. Logo nos primeiros votos dos auditores presentes no julgamento, foi possível perceber que os argumentos eram válidos.


O fato de o chileno ter jogado como capitão da equipe nos últimos jogos pesou a seu favor, assim como a postura nos últimos jogos: a defesa lembrou que Valdivia não recebeu nenhuma punição nos últimos 12 meses. Sendo assim, os cinco auditores desqualificaram a infração para ato hostil, descordaram com relação à pena, mas a maior parte do tribunal entendeu que o gancho ideal seria de dois jogos.

Fonte: Gazeta Esportiva
Data Postagem: 30/09/2014
PUBLICIDADE