Sexta-Feira, 28 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Inverno começa neste domingo e será menos rigoroso

Fenômeno deve influenciar diretamente no clima da estação mais gelada do ano

Semana nova. Estação nova. A época mais gelada do ano começa hoje (21), às 12h38min, e a influência do fenômeno El Niño - fenômeno causado pelo aquecimento das águas do Pacífico além do normal - será suficiente para mexer com as condições do clima, que este ano não será tão frio.


O inverno acaba às 5h20min de 23 de setembro e a expectativa é de que este ano seja menos rigoroso do que 2014 por conta do fenômeno meteorológico no país. Bom para uns, que não suportam o frio e ruim para outros, que adoram os dias mais gelados. 


Segundo a meteorologia, a situação é bem diferente do registrado, por exemplo, nos anos de 2010, 2011 e 2013, quando a presença era do fenômeno La Niña, ou seja, o Oceano Pacífico Equatorial mais frio que o normal, fazia com que muitas massas polares avançassem pelo centro-sul do Brasil. 


Já neste ano ano, a situação é oposta, e com o El Niño, o Pacífico Equatorial fica mais quente do que a média, portanto, é possível que o inverno não seja rigoroso. O inverno é a época do ano em que as noites são mais longas e o período de insolação é menor na Terra. Com essa condição, os dias são mais frios, com temperaturas baixas. 


A chuva continuará escassa na maior parte do país, ou seja, normal ou abaixo da média, como já é normal nesta época do ano. Somente na região Sul a chuva é acima da média, também por causa do fenômeno. 


Mesmo antes da chegada do inverno, o frio deu o 'ar da graça', e pegou muito sul-mato-grossense de surpresa. Um exemplo foi a última sexta-feira (19), onde os termômetros marcaram 12ºC, com sensação térmica, na casa dos 7ºC. A máxima não passou dos 22ºC.


PREVISÃO


Na primeira semana do inverno, não há previsão de chuva para a Capital do Estado, e o sol deve seguir entre nuvens durante toda a semana. A temperaturas registram mínima de 15°, no início da manhã, e a máxima não deve ultrapassar os 26°, no período da tarde.

Fonte: correio do estado
Data Postagem: 21/06/2015
PUBLICIDADE