Domingo, 30 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Com 3 de Barrios, Palmeiras goleia o Flu no Maracanã

Com três gols de Lucas Barrios, o Palmeiras buscou a virada no Maracanã e goleou o Fluminense por 4 a 1. Com grande atuação na segunda etapa, o time de Marcelo Oliveira reagiu depois do pênalti perdido por Fred quando o Tricolor já vencia por 1 a 0. A derrota custou a demissão do técnico Enderson Moreira depois de 7 jogos seguidos sem vitória.


Em um primeiro tempo muito fraco tecnicamente, o Fluminense abriu o placar graças a um erro da zaga palmeirense. Após cobrança de lateral dentro da área, Jackson se atrapalhou sozinho e afastou muito mal. A bola caiu nos pé de Jean, que encheu o pé da entrada da área sem chances para Fernando Prass: 1 a 0.



Tentando melhorar o volume de jogo ofensivo, Marcelo Oliveira voltou para o intervalo com Rafael Marques na vaga de Egídio, passando Zé Roberto para a lateral. Mas quem voltou a assustar foi o time da casa. 



Aos 14 minutos, no contra-ataque, Cícero invadiu a área e o árbitro deu pênalti polêmico de Fernando Prass no volante. Na cobrança, Fred mandou pra fora, não conseguiu ampliar a vantagem e reacendeu o ânimo do adversário.



Com as entradas de Barrios e Allione, o Palmeiras finalmente começou a criar e chegou ao empate aos 23 minutos. Após cruzamento de Rafael Marques, Gabriel Jesus não conseguiu finalizar a bola sobrou para o próprio Barrios, que bateu na saída de Cavalieri para fazer 1 a 1.



E a virada veio aos 30. Depois do cruzamento, Cavalieri e Marcos Júnior se atrapalharam e Gabriel Jesus aproveitou para roubar a bola e marcar o segundo do Palmeiras.



Aproveitando o nervosismo do Flu, o Palmeiras fechou o placar nos acréscimos com mais dois gols de Lucas Barrios, que no dia anterior anunciou a troca da camisa 10 pela 8 por superstição.



Com o resultado, o Palmeiras chegou aos 41 pontos e subiu para o 5º lugar. A equipe tem os mesmos pontos do quarto colocado Flamengo, que leva vantagem no número de vitórias. Já o Flu segue em baixa. A equipe não vence há 7 jogos e está cada vez mais distante da parte de cima da tabela.

Fonte: correio do estado
Data Postagem: 17/09/2015
PUBLICIDADE