Segunda-Feira, 24 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

FPF "compra" clubes e aumenta o número de rebaixados no estadual

A principal mudança no regulamento do Paulistão de 2016 é o aumento no número de clubes rebaixados: de quatro para seis. A alteração agradou aos dirigentes das equipes do interior, que estiveram na sede da Federação Paulista de Futebol nesta quinta-feira, quando ocorreu o Conselho Técnico. No entanto, engana-se quem pensa a mudança foi comemorada logo de início.

De acordo com o que o Portal da Band apurou, os clubes do interior foram contra a decisão em um primeiro momento, principalmente por conta do baixo orçamento para a competição. Para convencê-los, a FPF decidiu “presenteá-los”.

Durante encontros nos últimos meses, o presidente da federação, Reinaldo Carneiro Bastos, reuniu-se com seus diretores e, após muita conversa, chegou a uma conclusão: aumentar o valor da cota dos clubes no torneio.

O Portal da Band conversou com três presidentes de equipes do interior, que disseram estar felizes com a mudança. Um deles, no entanto, confirmou que foi convencido após um “reajuste no valor oferecido aos clubes”.

Os novos números foram apresentados aos mandatários nesta quinta-feira, no Conselho Técnico, aberto somente aos dirigentes da FPF e dos times. Um envelope fechado foi entregue aos representantes dos clubes, que puderam verificar o valor destinado a cada uma das equipes.

Segundo fontes ligadas à federação, os novos valores serão equivalentes ao desempenho das equipes no ano anterior. Os quatro clubes que conquistaram o acesso (Ferroviária, Novorizontino, Oeste e Água Santa), por exemplo, receberão por volta de R$ 3 milhões cada um, montante mínimo.

Fonte: correio do estado
Data Postagem: 06/11/2015
PUBLICIDADE