Sexta-Feira, 28 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Volta a crescer a procura e a oferta de empregos em Naviraí

O registro da movimentação de pessoas em busca de vagas disponibilizadas pelo mercado de trabalho e os registros da Casa do Trabalhador (ex-Ciat) de Naviraí indicam que está havendo o reaquecimento da economia local. A análise é do gerente da Casa do Trabalhador, Waldemar Gomes da Silva.


 


No ano passado houve a captação de 1.367 vagas de trabalho e somente nos últimos 30 dias, houve o pedido de intermediação para o preenchimento de 1.110 novas vagas de emprego. Pelos dois grandes grupos industriais estão interessados em se instalar em Naviraí, sem contar pequenos e médios empreendedores que querem se estabelecer.


 


Waldemar disse que a abertura do Fogo Atacadista (com intermediação de 80 vagas do total de mais de 100 empregos gerados) demonstrou um pouco da confiança do empresariado local no potencial de Naviraí. Uma empresa que trabalha com asfalto deve ser sediada em Naviraí e deve ter a captação de centenas de empregos.


 


Na Casa do Trabalhador de Naviraí, em 2015, houve o encaminhamento de 3.282 profissionais para a seleção dos empresários, em diversos ramos da economia de Naviraí, com o aproveitamento de 644 contratados. O número total de atendimentos diversos na Casa do Trabalhador foi de 16.816 pessoas.


 


Além da possível reativação da Usinav, pelo menos dois grupos industriais de renome procuraram a administração para fazer a consulta sobre a possibilidade de implantar plantas industriais, confiando na pujança do município de Naviraí e contando com a localização estratégica para o escoamento das produções. Uma é uma multinacional e a outra é um grupo regional que atua fortemente no Paraná e no Mato Grosso do Sul.

Fonte: ms regional
Data Postagem: 09/05/2016
PUBLICIDADE