Domingo, 23 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Nos acréscimos, Rússia arranca empate com a Inglaterra

Com isso, a Inglaterra sem mantém sem vencer na estreia de uma Eurocopa

Com um gol nos acréscimos do segundo tempo, a Rússia conseguiu evitar arrancar empate com a Inglaterra em 1 a 1, no encerramento da primeira rodada do grupo B, em partida disputada no estádio Vélodrome, em Marselha, mantendo de quebra um longo tabu do rival.


O 'English Team' abriu o placar aos 27 minutos do segundo tempo, com um golaço de falta de Eric Dier. A torcida ia comemorando a vitória até os 47 da etapa final, quando Vasili Berezutski deixou tudo igual, em finalização de cabeça.


Com isso, a Inglaterra sem mantém sem vencer na estreia de uma Eurocopa. Agora, são quatro derrotas e cinco empates na primeira partida pelo torneio. Os russos ainda quebraram uma sequência de vitórias do adversário, já que o 'English Team' tinha sido a única equipe a terminar a fase eliminatória com 100% de aproveitamento.


Com o resultado, o País de Gales lidera o grupo B da Eurocopa de maneira isolada, após ter vencido a Eslováquia, lanterna da chave, mais cedo, por 2 a 1. Inglaterra e Rússia dividem a segunda posição, com 1 ponto cada.


Na próxima rodada, os ingleses pegarão os galeses no estádio Bollaert-Delelis, em Lens, na quinta-feira. Um dia antes, na quarta-feira, os russos enfrentarão os eslovacos no Pierre-Maroy, em Lille.


Hoje, o técnico Roy Hodgson começou o jogo com um esquema pensado para explorar um novo posicionamento de Wayne Rooney. Mais recuado, o craque do Manchester United atuou como um armador. Com a opção, quem acabou ficando no banco de reservas foi Jamie Vardy, um dos destaques do Leicester.


Já Leonid Slutski colocou em campo uma equipe sem muitas surpresas. A única mudança em relação às previsões de antes do duelo foi a presença do volante Roman Neustadter entre os titulares, substituindo Denis Glushakov, que sofreu uma lesão muscular durante um treino realizado na quinta-feira e acabou poupado.


Considerado favorito ao título, o 'English Team' começou a partida focado em mostrar que merece esse status. Nos primeiros dez minutos, pelo menos três boas oportunidades foram criadas, a melhor delas aos 6, quando Walker passou pela marcação e tocou para Lallana, livre, chutar firme e obrigar o goleiro Akinfeev a tocar a bola para escanteio.


Pelo lado russo, a estratégia era claramente se defender, esperar o avanço do adversário para tentar contra-atacar, apostando também na bola parada. A única chance da equipe no primeiro tempo saiu exatamente numa jogada deste tipo, aos 16 minutos. Após falta cobrada da direita, Ignashevich subiu mais alto que os zagueiros adversários, mas cabeceou em cima de Hart.


Apesar da forte defesa russa, Rooney tinha liberdade para circular no meio-campo, assumiu o papel de maestro do time e distribuia as jogadas com qualidade pelas laterais. Sterling fazia boa dupla com Rose pela esquerda, enquanto Lallana e Walker repetiam o dueto pela direita, explorando a fragilidade de Schennikov.


Foi pelos pés dos dois últimos que a Inglaterra quase abriu o placar aos 21. Lallana iniciou a jogada pelo meio e viu a subida de Walker, que avançou e rolou para trás. O meia do Liverpool recebeu mais uma vez livre na entrada da área e chutou rasteiro rente à trave direita de Akinfeev.


Aos 34, em nova jogada de Walker pela direita, foi a vez de Rooney arriscar. O veterano recebeu passe na linha da grande área e pegou de primeira, obrigando o goleiro russo a fazer boa defesa.


A superioridade inglesa no primeiro tempo foi representada pelos números. Em alguns momentos, o 'English Team' chegou a ter 70% da posse de bola. Além disso, foram dez chutes a gol contra apenas um dos russos, que pareciam contentes com o empate. Nos escanteios, outra goleada: seis para a Inglaterra e nenhum da Rússia.


A tônica do jogo começou a mudar depois do intervalo. Os russos começaram a sair para o jogo e assustaram no início, após boa jogada de Kokorin pela direita, bloqueada pela defesa adversária. A Inglaterra, por sua vez, não conseguia aproveitar os espaços criados pela nova postura dos rivais e errava mais passes, facilitando o trabalho dos zagueiros.


Mais ofensiva, a Rússia equilibrou o duelo e começou a criar dores de cabeça para Hart, pouco acionado até então. Aos 17 minutos, Shatov avançou até a entrada da área e bateu colocado, buscando o canto esquerdo do goleiro do Manchester City. A bola passou com perigo, muito perto da trave.


Apesar do melhor desempenho no segundo tempo, a Rússia só não sofreu o primeiro gol graças a Akinfeev. Aos 25, Rose foi à linha de fundo pela esquerda e cruzou rasteiro. A zaga afastou mal, e Rooney, vindo de trás, chutou livre, no canto. O goleiro do CSKA Moscou se esticou todo e conseguiu fazer a defesa, com a bola subindo na sequência e tocando na trave.


Só que, nem mesmo o inspirado Akinfeev, conseguiu evitar o ímpeto inglês. No lance seguinte, aos 27 minutos, Delle Alli foi derrubado por Schennikov na entrada da área. Dier cobrou no capricho, no ângulo, e abriu o placar para o 'English Team'.


Após o gol, Hodgson preferiu proteger o resultado e adotou uma postura mais cautelosa, tirando Rooney para a entrada de Wilshere e colocando Milner no lugar de Sterling. Já Slutski resolveu colocar o time para frente, tentando empatar no abafa. Neustädter foi substituído por Glushakov, e Mamaev entrou para a saída de Smolov.


A estratégia inglesa ia dando certo até os acréscimos. Mas, aos 47 minutos, os russos empataram. Glushakov levantou a bola na área. Vasili Berezutski subiu mais alto que os zagueiros ingleses e desviou de cabeça. Hart, mal posicionado, nada pode fazer para evitar o tropeço e a manutenção do tabu em estreias inglesas.


O duelo também foi marcado por confrontos entre torcedores dos dois países antes do jogo em Marselha. Um torcedor inglês foi hospitalizado em estado grave após o confronto com os russos.


Dentro do estádio Velódrome, o clima de festa predominou até o fim do duelo nas arquibancadas, mas, após o empate russo e o apito final, torcedores dos dois países entraram em confronto atrás de um dos gols e precisaram ser contidos pela equipe de segurança.

Fonte: correio do estado
Data Postagem: 12/06/2016
PUBLICIDADE