Terca-Feira, 23 de Maio de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Naviraí - Atleta de Naviraí representará o Brasil em Mundial de Karatê no Japão

Único representante de Mato Grosso do Sul, Fabiano buscará a medalha para o Estado na categoria Absoluta e adquiriu a vaga para o Mundial após a conquista do Campeonato Brasileiro em São Paulo e o vice no Sul-Americano em janeiro no Chile.

O representante de Caratê de Mato Grosso do Sul embarcou em busca da medalha de ouro para o Campeonato Mundial de Karate, realizado na cidade de Maebashi, localizada na província de Gunma, a 60 quilômetros de Tóquio. Para o naviraiense Fabiano dos Santos, 32 anos, chegar até o Aeroporto Internacional de Campo Grande, teve de enfrentar lutas diárias em busca de apoio para representar a seleção no Mundial que se inicia sexta-feira e segue até domingo.


“A maior dificuldade foi levantar o dinheiro. Mas, preciso dar a ênfase em quem me ajudou a chegar aqui, como os meus alunos e amigos que venderam rifas para eu ir para o Japão”, comentou em entrevista realizada no saguão do aeroporto de Campo Grande, ontem. O atleta chegou à Capital pela manhã, por meio de carona dada pelo pai de um aluno seu. O último torneio internacional disputado pelo atleta na África do Sul em 2014, em que chegou até as oitavas de final entre os 64 atletas, fortaleceu o carateca.


Em dois anos o lutador guardou cerca de R$ 10 mil, para pagar as despesas do torneio. E contou também com ajuda da venda de rifas e dos seus alunos em Naviraí -a 361 km de Campo Grande. Cerca de 30 países participam do torneio e apenas oito brasileiros representam o Brasil. Único representante de Mato Grosso do Sul, Fabiano buscará a medalha para o Estado na categoria Absoluta e adquiriu a vaga para o Mundial após a conquista do Campeonato Brasileiro em São Paulo e o vice no Sul-Americano em janeiro no Chile.


2311_carateca_fabiano-dos-santos_japao

Fabiano dos Santos no Mundial de 2014, em que foi até as oitavas de final (Foto: Arquivo Pessoal)



De acordo com o atleta, os treinamentos para a competição acontecem desde o início do ano. “A dificuldade da competição será maior por conta da categoria em que vou disputar, posso encarar adversários mais pesados que eu e isso me custará mais esforço”, comentou. “Mas, eu já vinha competindo nas categorias maiores que 70 kg (seu peso atual) para me adaptar na categoria em que vou lutar no Japão”, disse.


‘Competição na África do Sul abriu minha mente’, afirma naviraiense


O sul-mato-grossense encontrará com os demais lutadores brasileiros em Guarulhos e nesta madrugada seguiu para o torneio. “Apesar da dificuldade para conseguir as coisas, eu acredito muito que vou bem, eu tive experiência de lutar duas vez no Sul-Americano, duas competições bem fortes, pois é a América inteira”, falou Fabiano dos Santos. “Lutei também no Mundial na África do Sul, onde abriu minha mente. Cheguei achando que estava bem preparado, mas o nível de dificuldade era diferente e me surpreendi com estilo europeu. Agora, mudei meus treinamentos, me adaptei e estou indo pro Japão com outro tipo de cabeça”, finalizou Fabiano.

Fonte: navirai na net
Data Postagem: 24/11/2016
PUBLICIDADE