Sexta-Feira, 28 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Naviraí - Após clonar celular de vítima, homem tenta sacar cheque de R$ 71 mil em banco

A Polícia Civil de Naviraí esta investigando dois casos de tentativa de estelionato, onde meliantes estão fraudando folhas de cheques de empresas da cidade, e tentando sacar os valores.

Um dos fatores que chamou a atenção da polícia é que em um dos casos, a vítima teve seu aparelho de celular clonado.

O caso ocorreu na manhã desta quarta-feira (21), onde um homem foi até o caixa da agência do Banco do Brasil de Naviraí, e tentou descontar um cheque no valor de R$ 71, 000,00 (Setenta e um mil reais).

A atendente do caixa ao pegar o cheque ligou para o proprietário da conta para confirmar se poderia descontar o cheque daquele valor, e foi informada que sim, porém ela desconfiou da voz, e ligou em outro numero da vitima, que ao atender disse que estava dentro daquela agência bancaria e que não teria emitido nenhum cheque naquele valor.

Enquanto a funcionária do banco fazia o contato com o dono do cheque, o homem que estava na boca do caixa à espera de sacar o dinheiro, desconfiou que poderia ser descoberto e fugiu do local, deixando para trás uma célula de identidade em nome de Antonio Barbosa Maia, que seria natural de Bela Vista/MS.


Em contato com a polícia civil, a vítima, proprietário do cheque, disse nesta terça-feira (20), ele seu pai e seu irmão, ficaram sem o sinal de telefone celular e na manhã desta quarta-feira (21), ao ir até uma loja da Vivo, foi informado que os números de seus celulares haviam sido transferidos para o canal LIGCEL TELECOMUNICAÇÕES, em nome Fabio Santana da Silva.

Outro caso

Outro caso semelhante com este aconteceu na semana passada, aonde uma mulher foi até a agência da Caixa Econômica de Naviraí, e tentou descontar um cheque no valor de R$ 4, 000,00 (Quatro mil reais), também de uma empresa da cidade.

Enquanto a funcionário do caixa foi realizar a conferência de assinatura e confirmação do cheque, a mulher saiu do caixa e foi embora, sem scar o dinheiro e deixando uma (CNH) Carteira Nacional de habitação. Segundo a polícia civil, tanto a CNH quando a folha de cheque era clonada, porém a foto da habilitação é da mulher que tentou descontar o cheque.

 


A polícia civil está investigando ambos os casos, e não descarta a possibilidade de ser uma quadrilha de estelionatários que esteja agindo na cidade.

“Não passe nenhum dado pessoal via telefone ou celular, para uma pessoal que você não tenha certeza que seja realmente ela. Qualquer irregularidade que você constatar em sua linha telefônica ou aparelho celular, comunique de imediato a Polícia Civil”.


 
Fonte: navirainanet
Data Postagem: 22/12/2016
PUBLICIDADE