Domingo, 30 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

Judoca de Mato Grosso do Sul carimba vaga para defender a seleção

A douradense Camila Gebara, conseguiu um feito inédito para o judô sul-mato-grossense ontem. Ao ficar em segundo lugar na classificação geral do peso-pesado da Seletiva Tóquio 2020, a lutadora se tornou a primeira do Estado a garantir vaga na seleção principal do Brasil - a seletiva foi realizada em Osasco (SP). Com o triunfo, além abrir pontuação no ranking olímpico, a jovem atleta de 21 anos, defenderá o país em todos os torneios internacionais na temporada 2017.


“Na verdade nem sei a emoção que estou sentindo [pela vaga na seleção]. É um sonho que todos judocas almejam.  E ainda ser a primeira do Estado a conquistá-la, foi muito bom. Treinei muito, ninguém chega a uma vaga na seleção sem muito treino”, comemorou a atleta da Academia Sakurá de Dourados.


A fase decisiva da seletiva dos pesados contou com quatro competidores, que lutaram entre si. Logo no primeiro combate,  Gebara perdeu para Rochele Nunes (RS). A douradense, porém, não deixou se abater, voltou ao tatame e garantiu duas vitórias na sequência, contra: Ellen Furtado (SP) e Beatriz Souza (SP).


A classificação geral da disputa ficou na seguinte ordem: Rochele Nunes (1º lugar); Camila gebara (2ª); Beatriz Souza (3ª) e  Ellen Furtado (4ª). Com o resultado, Rochele e Gebara serão as representantes do peso-pesado feminino brasileiro em 2017, ao lado da paulista Maria Suelen Altheman - que tinha vaga assegurada na seleção pelo ranking mundial.


Além de Gebara, a seletiva em Osasco teve a participação de outras quatro sul-mato-grossenses: Gabriela Paliano (78 kg); Ana Paula Higa Carra (70kg); Layana Colman (52 kg) e  Larissa Faria (48kg). Esta última representou o Instituto Reação (RJ) e teve a melhor colocação ficando em quarto lugar no peso-ligeiro.


DESAFIO
Depois de um dia intenso de combates da seletiva, o Brasil venceu a Colômbia no 31º SuperDesafio BRA. A equipe brasileira teve: Phelipe Pelim (60kg), Yanka Pascoalino (63kg), Vinícius Panini (81kg), Samantas Soares (78kg) e Leonardo Gonçalves (100kg).

Fonte: correio do estado
Data Postagem: 15/01/2017
PUBLICIDADE