Sábado, 29 de Abril de 2017 | E-mail para contato: contato@nvnoticias.com.br

SACO SEM FUNDOCom incremento de R$ 42 mi nos repasses ano passado, Santa Casa quer mais verba

Por aumento, hospital ameaça fechar alas e reduzir atendimentos

Hoje vence o prazo de 90 dias para o município firmar contrato com o hospital. A situação tem provocado encontros, encerrados sem acordos, entre Santa Casa e prefeitura. Ontem, durante cerca de três horas, reuniram-se para tratar do assunto o prefeito Marcos Trad, o secretário municipal da Saúde (Sesau), Marcelo Vilela, o diretor-financeiro da Santa Casa, Nilton Ferreira, além da promotora Filomena Aparecida Fluminhan e outras autoridades. Nova reunião foi marcada para quinta-feira. 


Conforme publicado pelo Correio do Estado, a Santa Casa apresentou cinco propostas para reajuste da verba mensal, todas recusadas pela prefeitura. O hospital propôs manter ou encerrar o atendimento no PS, diminuir o repasse e, consequentemente, o atendimento de maneira geral, manter o repasse atual e diminuir os serviços prestados, e ainda a proposta do aumento de repasse. Mais detalhadamente, a redução poderia chegar a 30% nos atendimentos e até o encerramento de cirurgias eletivas contratualizadas.

Fonte: correio do estado
Data Postagem: 31/03/2017
PUBLICIDADE